nossogrupo.com.pt


tudo ao pé, tudo à mão!

 
   

Google | O tempo | Portal das Finanças | Facebook | Twitter | Youtube | Páginas Amarelas | Jogos Santa Casa

encontrar por a-b-c-d-e-f-g-h-i-j-k-l-m-n-o-p-q-r-s-t-u-v-w-x-y-z-0-9

   

Pagamentos Seguros pela Internet
O Mbnet, Paypal, Cartões de Crédito e Cartões de Débito, Rede Multibanco, Rede Visa, Rede Mastercard, entre outras coisas...

 
   

(Esta página foi criada a partir do tópico 'Pagamentos seguros pela Internet, MBnet e Paypal' no fórum 'Os nossos melhores Truques & Dicas'.
Para visualizar o fórum 'Os nossos melhores Truques & Dicas' precisa estar registado e fazer o login. Não consegue ver como 'visitante').

 
   

Quase todos os dias há pessoas que me colocam diversas dúvidas sobre esta questão: uns não confiam, outros têm receio de fazer mal, outros não sabem qual a melhor forma de o fazer... e outros... estão a fazer uma grande confusão!

Note que eu não sou um perito no assunto e até pode haver melhores formas (e mais seguras) de o fazer. Se for o caso (e você souber de uma forma mais prática e mais segura de o fazer) agradeço que o partilhe connosco, por favor.

Faço frequentemente pagamentos pela Internet e nunca tive grandes problemas em fazê-lo. No início, tive algum receio de estar a fazer as coisas mal mas realmente não é nada complicado. O receio inicial é normal e é parecido àquele que se sente quando estamos a fazer algo importante pela primeira vez.

Como disse antes, várias pessoas têm-me colocado as mais diversas questões por isso vou abordar vários temas para que você, seja qual for a sua dificuldade, fique esclarecido de uma vez por todas. Pode ser importante ler tudo com atenção...

 
   
Os temas abordados nesta página:  
→ Cuidado com os sites onde faz compras online!  
Eu uso um programa Anti-Keylogger e aconselho-o a usar também...  
Cartão de Débito? Cartão de Crédito?  
A Rede Multibanco, a Rede Visa, a Rede Mastercard e outras Redes de Pagamento  
Qual a melhor forma de fazer um pagamento online?  
O que é o Mbnet? Como crio e como pago com um cartão virtual com o MBnet?  
Vale a pena criar uma conta Paypal?  
Devo escolher sempre o MBnet para pagar produtos e serviços online?  
   
   
Cuidado com os sites onde faz compras online!  

Antes de tudo, deve ter muito cuidado com os sites onde faz as suas compras online. Isto é lógico! Por exemplo: é muito diferente comprar na Worten ou na Fnac, comparativamente a comprar num site ou empresa totalmente desconhecida!
       

Deve ter em atenção quando compra num site estrangeiro porque se for fora da UE pode ter que pagar impostos alfandegários e o preço subir bastante! Prefira a Amazon.co.uk (Inglaterra) ou Amazon.es (Espanha), por exemplo, em detrimento da Amazon.com (EUA). Lembre-se: se comprar fora da União europeia, pode ver os seus artigos retidos temporariamente e/ou ter que pagar despesas alfandegárias! Cuidado...

Cuidado com os sites chineses! O efox.com.pt não é um site português! Apenas está traduzido para português. O efox até pode enviar-lhe os produtos de Espanha mas se tiver que devolver algum à fábrica, vai ter que pagar os portes para a China e os portes da China para a sua casa. Muitas vezes, o produto fica 'perdido' meses ou nunca mais aparece! Os produtos chineses são sempre uma incógnita. Muitas pessoas dizem maravilhas deles e outros arrependem-se depressa. São muito mais baratos mas às vezes o barato sai caro. Lembre-se que as garantias dos produtos chineses não têm nada a ver com a garantia oferecida pelas lojas em Portugal! Mesmo que eles garantam o contrário, a verdade é que não são. Quando dá para o torto, pode ser dinheiro mandado à rua. Considere a hipótese de comprar um modelo mais barato, numa loja mais confiável, em vez de uma cópia ou um produto que apenas lhe parece ser muito bom.

Cuidado também com os comentários que outros compradores (?) colocam no site do vendedor. Se reparar, muitas vezes estão num português muito duvidoso. Também pode acontecer o vendedor apagar comentários ou avaliações negativas.

Cuidado com as estatísticas que aparecem no site. Muitas vezes são empoladas para iludir o visitante. Vou dar-lhe um exemplo que aconteceu recentemente comigo em sites bastantes conhecidos: andava a procurar casas de férias e um site indicava-me que estavam a ver o mesmo anúncio que eu, 20 pessoas. A qualquer hora do dia ou da noite, o que eu estava a ver, tinha sempre muita gente interessada. Também lhe juntaram uma informação do tipo 'Última reserva: há 48 minutos'. Ora, se isto não é uma artimanha para que o visitante se precipite para a compra, vou ali e já venho! Tanta gente interessada e tantas reservas a serem feitas, podem levar o interessado na compra a precipitar-se antes que esgote...

Tenha também muito cuidado com os preços demasiado bons!

Bem, feito este alerta, vamos então presumir que você tem a certeza sobre a seriedade do vendedor e a sua dificuldade é apenas como proceder ao pagamento de forma segura, ok?

 
   
Eu uso um programa Anti-Keylogger e aconselho-o a usar também...  

Independentemente de se preocupar com a segurança das transacções online, pense em proteger-se também contra todo o tipo de ameaças que todos nós estamos sujeitos, enquanto navegamos. Existe sempre a possibilidade de apanhar vírus ou outros pequenos programas que se instalam e escondem no seu computador e capturam tudo o que você digita, faz e vê no monitor. Há vírus que enviam print-screens do seu écran, recolhem dados de todos os sites que você visita, capturam os seus nomes de utilizador e as suas passwords, os seus dados pessoais, os dados de acesso do Mbnet, do seu homebanking...

Bem, vamos então presumir que o seu PC não tem vírus nem outros executáveis que tentam roubar-lhe nomes de utilizador, passwords ou dados pessoais,  e a sua dificuldade é apenas proceder ao pagamento de forma segura, ok?

 
   
   
Cartão de Débito? Cartão de Crédito?  

Muitas pessoas ainda não sabem distinguir um Cartão de Débito de um Cartão de Crédito. Algumas pessoas chamam Cartão de Crédito a todos os cartões que se usam na Caixa Automática (CA ou ATM) mas, na realidade, isso é incorreto. Da mesma forma que é incorrecto chamar Cartão Multibanco a todos os Cartões de Débito.
   

Cartão MasterCard de Crédito

Cartão MasterCard de Débito

A Associação Portuguesa de Bancos tem uma página muito bem construída onde são exemplarmente explicadas as principais diferenças entre os Cartões de Débito e os Cartões de Crédito. Dê uma vista de olhos...

Lembre-se: Multibanco não é um Cartão de Débito; é uma rede de caixas automáticas portuguesa!

 
   
→ A Rede Multibanco, a Rede Visa, a Rede Mastercard e outras Redes de Pagamento  


Leu a explicação anterior? Ok, então já sabe que não deve chamar cartão Multibanco ao seu Cartão de Débito, nem tão pouco ao seu Cartão de Crédito. Se leu o ponto anterior, já sabe que a principal diferença entre Cartões de Débito e Cartões de Crédito reside no facto dos Cartões de Débito debitarem a conta de depósitos à ordem (D.O.) à qual estão associados, de forma imediata, enquanto os Cartões de Crédito estão associados a uma linha de crédito concedida pela Instituição Financeira que os emitem e o pagamento é feito, normalmente, no final de cada período de extracto.

Ambos os Cartões (de Débito e de Crédito) podem ser usados em Caixas Automáticas (CA ou ATM). Em Portugal, a maior rede de caixas automáticas é a Rede Multibanco. Também existem caixas automáticas exclusivas de certas entidades, onde apenas os cartões da própria instituição podem ser utilizados. É o caso da Caixa Automática Chave24 (do Montepio Geral), do Balcão 24 (da Caixa Agrícola), das ATM internas para Depósitos e Cheques do Santander Totta, BPI, CGD, etc.

Existem outras Redes de Pagamento além da Rede Multibanco. A Rede Visa e a Rede Mastercard são as maiores Redes de Pagamento a nível mundial. Muito provavelmente o seu cartão tem a bandeira Visa ou Mastercard além do símbolo Multibanco.

Além das Redes de Pagamento anteriores também já deve ter ouvido falar da American Express, da Diners Club International, entre outras. Cada uma destas Redes de Pagamento tem por missão facilitar os pagamentos e as transacções financeiras entre o cliente comprador e o cliente vendedor. As Redes de Pagamento normalmente não emitem cartões. Disponibilizam, sim, as plataformas de pagamento e fazem a gestão das transacções. A emissão dos Cartões estão, por norma, a cargo das Entidades Financeiras como os Bancos com os quais trabalhamos. Os bancos emitem Cartões de Débito e de Crédito que são aceites na Rede Multibanco, Rede Visa, Mastercard, etc.

Algumas pessoas pensam que todos os Cartões que têm a Bandeira Visa são Cartões de Crédito. Não é verdade! Existem Cartões de Débito e Cartões de Crédito com a Bandeira da Rede Visa, da mesma forma que existem Cartões de Débito e de Crédito com o símbolo da Rede Multibanco ou com a Bandeira Mastercard.

Cartão Visa de Crédito

Cartão Visa de Débito

Algumas pessoas pensam que todos os cartões que têm aqueles 3 dígitos no verso (que permitem o pagamento online) são Cartões de Crédito mas isso também não é verdade! Há Cartões de Débito e de Crédito com aqueles 3 dígitos no verso.

Lembre-se: Você não precisa de um Cartão de Crédito para fazer compras na Internet!

 
   
Qual a melhor forma de fazer um pagamento online?  

Depende da situação!

A minha experiência pessoal não me permite eleger uma forma ideal para proceder a um pagamento online. Às vezes prefiro pagar por transferência bancária, às vezes prefiro pagar no Multibanco ou Homebanking, às vezes prefiro pagar com um cartão virtual Mbnet, às vezes pago através do Paypal e, em algumas situações especiais, prefiro pagar com o meu cartão físico de Débito ou Crédito. O que me leva a preferir uma forma de pagamento em detrimento das outras é o local (Portugal ou estrangeiro), o site da compra (site de confiança ou nem por isso), a forma de pagamento aceite pelo vendedor (alguns só aceitam paypal, por exemplo), outros exigem a apresentação do Cartão de Débito ou de Crédito que efetuou a compra por questões de anti-fraude (algumas companhias aéreas no check-in, por exemplo).

Vamos ver cada uma das situações, com mais detalhe...

Situação 1: você está a fazer um pagamento em Portugal a uma empresa portuguesa. A Empresa dá-lhe a possibilidade de pagar na Rede Multibanco ou Homebanking, emitindo para o efeito os códigos 'entidade', 'referência xxx xxx xxx' e o valor. A forma mais fácil, prática e rápida é entrar no netbanco e fazer o pagamento. Normalmente o pagamento é confirmado automaticamente e serviço fica logo ativo. É assim que pago, por exemplo, a renovação do domínio do nossoGrupo.com.pt, o alojamento do site, o MEO, etc.

Situação 2: o vendedor não tem sistema de pagamento com cartões. Dá-lhe apenas um número de conta (NIB ou IBAN) domiciliada em Portugal. Neste caso escolho o Netbanco ou Multibanco. Se fizer o pagamento pelo Multibanco, o nome do beneficiário aparece automaticamente inscrito no talão, permitindo conferir o beneficiário com mais facilidade.

Situação 3: O vendedor permite fazer o pagamento por Cartão de Débito ou de Crédito. Sempre que possível, faço por MBnet! Mais abaixo, pode ver o que é o MBnet, como criar um cartão virtual e como realizar pagamentos com o MBnet.

Situação 4: Pagar via Paypal. Não costumo fazer muitos pagamentos por Paypal. Abri conta no Paypal mais com o objetivo de receber dinheiro e não para realizar pagamentos a terceiros. No entanto, já o tenho feito porque o Paypal confere em alguns sites - se o negócio correr mal - uma garantia de devolução do pagamento, ou porque há descontos ou porque as alternativas são piores por alguma razão. Devo dizer que, atualmente, é possível fazer pagamentos através do Paypal quer tenha ou não uma conta Paypal, quer tenha Cartão de Débito ou Cartão de Crédito. Tenho confiança no sistema mas se puder fazer por Multibanco, através das referências bancárias, ou por MBnet, escolho estas opções primeiro.

Simulei uma compra num site e escolhi a opção de pagamento por Paypal. A imagem abaixo mostra a página para onde fui encaminhado após confirmar que queria proceder ao pagamento via Paypal.

 

Caso não tenha conta Paypal, pode optar por fazer o pagamento por esta via e escolher a opção 'Pagar com o meu cartão de crédito ou débito'. Nos campos destinados aos dados do cartão, não mete os dados do seu cartão físico; em vez disso, cria um cartão virtual MBnet e coloca os dados do cartão virtual.

 

Situação 5: Pagar com Cartão (de Débito ou de Crédito) físico. Se o site da compra merece a minha confiança (e há muitos!), posso (ocasionalmente!) optar por comprar com o meu cartão físico. Já me aconteceu estar com pressa, não me lembrar das passwords do MBnet, não poder pagar via Paypal e estar confiante de não ter 'bicharada' no PC e arriscar a colocar os dados do cartão. Convém lembrar que só o faço em sites seguros e com vendedores de confiança total. Além do mais, os cartões de Débito e de Crédito que possuímos têm, normalmente, um seguro contra fraudes que pode ser acionado em caso de utilização indevida.

Na minha opinião, se não houver outra forma segura de o fazer, a compra de passagens aéreas devem ser sempre feitas pelo próprio e com cartão físico porque no check-in podem exigir a apresentação do cartão que fez a compra!

 
   
O que é o Mbnet? Como crio e como pago com um cartão virtual com o MBnet?  

Para perceber o que é o MBnet, nada melhor que visitar o site oficial: https://www.mbnet.pt
 
Caso pretenda ver uma demonstração, veja aqui: https://www.facebook.com/mbnetpt/app_406159606063838  
Um Guia/Tutorial que encontrei no Youtube e que achei muito útil: https://www.youtube.com/watch?v=fiVdJCuOJ9g  
   
Um resumo do que precisa de fazer para criar um acesso ao site MBnet.pt e pagar com um cartão virtual MBnet:  
→ Vá com um cartão (de Débito ou de Crédito) a um Caixa Automático (ou faça-o no seu Homebanking).  
→ Escolha a opção MBnet para criar uma conta MBnet. Com esta conta pode criar os cartões virtuais que desejar.  
→ Escolha uma password (código secreto) com 6 números; Sai um talão com um nome de Utilizador (identificação).  
→ Vá ao site onde quer comprar e coloque os produtos no seu carrinho de compras; Avance para o pagamento; Na página onde lhe é pedido que insira os dados do seu cartão, não coloque os dados do seu cartão físico!  
→ Deixe a página do pagamento aberta (em stand-by...) e abra um novo separador ou janela.  
→ Escreva www.mbnet.pt no novo separador ou janela para aceder ao site MBnet.  
→ Faça Login com o seu nome de Utilizador (identificação que lhe foi atribuída quando fez a adesão ao MBnet) e a sua password (o código secreto com os 6 números que você escolheu na adesão).  
→ Crie um cartão virtual com um valor um pouco acima do valor da compra. Se a compra são 70 euros, coloque 80 ou mesmo 100. Este valor acima é um valor máximo que está a atribuir ao cartão virtual para as suas compras. Não se preocupe porque apenas vai pagar o valor solicitado pelo vendedor (valor dos artigos + despesas, se existirem).  
→ Pode manter a sua conta MBnet pelo tempo que quiser, para realizar outras compras no futuro. Anote os dados de Login.  
→ Se raramente faz compras online, pode cancelar a sua conta MBnet logo após a compra. Quando precisar, cria outra...  
   

Notas importantes: O MBnet é uma forma segura de fazer pagamentos pois permite-lhe criar um cartão virtual com validade para apenas uma utilização. Nem mesmo você pode pagar duas vezes com o seu cartão virtual, pois o conceito do MBnet é um cartão virtual, uma compra. Se quiser realizar mais compras, deve criar mais cartões virtuais, um para cada compra. Após o pagamento, se assim o desejar, você pode apagar a sua conta MBnet. Se por qualquer motivo a compra não se realizar e o vendedor pretender devolver o dinheiro, este volta sempre para a sua conta no banco, mesmo que já tenha cancelado a sua adesão ao MBnet ; Pode criar um MBnet com um valor máximo muito superior ao da compra. Só vai pagar o valor pedido pelo vendedor. O valor máximo que indicar para o MBnet é um limite de segurança que você está a indicar para as suas compras e não o valor do pagamento.

 
   
Vale a pena criar uma conta Paypal?  
   

Depende! Eu criei uma conta Paypal especialmente para receber dinheiro. Nunca necessitei mesmo de ter uma conta Paypal para fazer pagamentos. Claro que em alguns sites, facilita ter uma conta Paypal e também é verdade que o Paypal tem uma política de segurança relativamente às compras que é de considerar. Se você só faz compras em sites portugueses ou em sites que aceitam pagamentos com cartão (de Débito ou de Crédito) provavelmente não vale a pena criar uma conta Paypal. Lembro que você pode pagar através do Paypal mesmo sem ter conta aberta no Paypal...

 
   

No entanto, se quiser abrir uma conta no Paypal, não paga nada por isso! É criar a conta e associar o seu cartão (de Débito ou de Crédito). Eu fiz isso e não me arrependo. Alguns pagamentos faço-os pelo Paypal e como tenho o meu cartão associado à minha conta Paypal, tenho pouco dinheiro (1, 2, 5, 10€ no máximo) na conta Paypal e vou pagando diretamente da minha conta no Banco.

 
   

Abrir uma conta Paypal é simples mas requer alguns passos para o fazer corretamente: em primeiro lugar, tem de preencher um formulário simples. Não minta! Não tem necessidade de o fazer porque o Paypal é uma instituição tão séria e credível como qualquer grande banco com dimensão mundial. Coloque a sua morada correta porque isso é importante em algumas compras. Coloque o seu contato telefónico também. Vai receber um email de boas vindas e será convidado a escolher a sua forma de pagamento através do Paypal. Adicione o seu cartão de Débito ou de Crédito. As novas normas da UE obrigam a que faça prova da sua identificação, enviando uma cópia digitalizada do seu BI, Cartão de Cidadão (ou um documento oficial com foto) e um comprovativo de residência (fatura da EDP, MEO, etc, com o logotipo da instituição). Nada de extraordinário já que os Bancos estão também obrigados a este tipo de procedimentos. É para sua segurança!

 
   

Eu tenho subscrições mensais de serviços que pago, por conveniência, através do Paypal. É o caso da minha subscrição no ImageShack, por exemplo. Pago 2 dólares por mês e o Paypal paga (no dia certo) por débito da minha conta no Banco. Dá-me muito jeito e confio no site e no sistema. Afinal de contas é um dos maiores serviços de pagamento do mundo! Além do mais, prefiro confiar os dados do meu cartão de Débito ou de Crédito a uma instituição como o Paypal do que ao ImageShack ou outra empresa de serviços de Internet.

 
   

Quando o cartão associado à minha conta Paypal está quase a terminar, o Paypal envia-me um email a lembrar-me que devo atualizar os dados referentes ao meu cartão, logo que receba o novo, com validade para mais um ano. Aliás, está na altura...

 
   

Ao contrário do que algumas pessoas aconselham a fazer na Internet, não crio um cartão virtual e não dou os dados desse cartão virtual para associar o meu cartão à minha conta Paypal. Porquê? Porque confio no Paypal e não há necessidade de estar esconder os dados do meu cartão físico ; Porque o Paypal utiliza uma conexão https ; Porque o meu cartão de Crédito ( e muito provavelmente o seu também!) tem associado um seguro contra fraudes online ; Porque o cartão virtual tem uma validade muito curta e isso implica ter que atualizar muitas vezes a minha conta Paypal e esta situação de anormalidade pode levar o Paypal a bloquear-me temporariamente a conta até esclarecer porque atualizo o meu cartão com tanta frequência. Não há necessidade de fazer isto! Se quer mesmo ter uma conta Paypal, faça-o de forma correta...

 
   

Como referi anteriormente, apesar de o evitar, não tenho problemas em escrever os dados do meu cartão físico em alguns sites de confiança e, ainda para mais, com conexões seguras.

 
   

Atenção aos emails que possa receber em nome do Paypal ou de outros sites. Não abra ligações a partir do email! Abra sempre uma janela nova no browser, digite o endereço do Paypal (ou do site que lhe está a pedir atualização de dados) e faça o login para entrar na sua área de cliente. Se precisar de atualizar algo, há-de ter lá a indicação dentro da sua área de cliente que está assegurada por uma conexão criptografada https! Isto não é para ficar amedrontado! É um bom conselho que deverá seguir e é válido para o Paypal, para o seu Banco Online, o seu MBnet e/ou qualquer outro site onde está registado ou do qual é cliente!

 
   
O Paypal tem uma política de proteção ao comprador e ao vendedor que pode ver no link abaixo.  
https://www.paypal.com/pt/webapps/mpp/paypal-safety-and-security (Link atualizado em 18-09-2015)  
   

Quando o seu cartão (de Débito ou de Crédito) estiver quase a expirar, você é notificado para atualizar a data de validade do mesmo. Hoje, eu aproveitei para fazer isso visto que a validade do meu cartão vai terminar no final deste mês e já recebi a notificação no meu email. Tentei (apenas para experimentar) alterar apenas a validade mas não deu certo. Porquê? Porque eu recebi um novo cartão para substituir o que vai terminar no final deste mês. Logo, o novo cartão tem um número xxxx xxxx xxxx xxxx diferente, uma data de validade diferente mm/aa e um CVV xxx diferentes. Então, tive que adicionar um NOVO CARTÃO e remover o cartão que vai expirar dentro de dias. Hoje é dia 18-09-2015 e as subscrições que eu tenho por débito automático no Paypal são no dia 04 de cada mês, portanto tenho muito tempo para confirmar o novo cartão...

 
   

Para confirmar um novo cartão, o Paypal vai debitar-me novamente a conta em 1,50€. No extrato do meu cartão vai aparecer um código com 4 números que deverei introduzir no site do Paypal e este valor irá ser-me creditado na minha conta Paypal poucos dias depois. Provavelmente, você poderá ter que pedir um extrato detalhado dos movimentos da cartão no seu Banco para ter acesso a estes 4 números. Se o seu cartão for um cartão de Crédito, provavelmente virá até 30 dias depois, no próximo extrato. Não espere tanto tempo. Muito provavelmente, depois de 3 ou 4 dias poderá pedir estes detalhes no seu Banco. Se tiver um Cartão de Débito, talvez tenha mesmo que pedir um detalhe do movimento no seu Banco porque não deverá conseguir vê-lo no extrato da sua conta à ordem.

 
 

Não se esqueça que se tiver subscrições a autorizar o débito automático no cartão antigo, pode ter que alterar as instruções para o novo cartão! Caso não o faça, deverá receber uma notificação por falta de pagamento para regularizar a sua subscrição. Na pior das hipóteses, poderá ver a sua subscrição cancelada por falta de pagamento e perder tudo o que lá tinha guardado, embora isso não seja nem muito lógico nem muito normal acontecer. De qualquer forma tenha atenção a isso...

 
   

Para transferir o saldo da sua conta Paypal para a sua conta bancária, deve também indicar o IBAN da sua conta no campo Perfil.

 
   

Para realizar pagamentos através do Paypal não necessita ter dinheiro na sua conta Paypal. Basta ter o seu cartão (de Débito ou  de Crédito) associado à sua conta e fazer os pagamentos por débito na sua conta a ordem ou através da conta-cartão do seu Cartão de Crédito. Os movimentos ficarão refletidos no extrato ( da sua conta a ordem ou da conta-cartão) após alguns dias.

 
   

Pode adicionar fundos à sua conta Paypal de várias formas mas eu não aconselho devido às despesas. Não são grandes mas se as puder evitar, porque há-de pagar? Assim, pode transferir da sua conta a ordem (tem de validar a sua conta enviando o IBAN) para a conta do Paypal. Naturalmente, o seu banco irá cobrar-lhe este serviço. Além disso, pode demorar até dois dias úteis e ainda tem de enviar um comprovativo. Na minha opinião não é nada prático e ainda pode ser aborrecido se não for bem referenciado. Vai ter que trocar emails com eles para provar que fez a transferência! Não se compreende...

 
   

Pode solicitar dinheiro a si mesmo, enviando uma solicitação para o seu email. Depois poderá 'pagar' usando o MBnet ou o seu cartão de Débito ou de Crédito. Custos? Na sua conta Paypal vai cair o valor pago deduzido das despesas. Na sua conta a ordem sai apenas o valor solicitado. Para ter uma ideia, a tarifa deste serviço, hoje, 18-09-2015, teria estes custos:

 
   
Montante Solicitado Débito na sua conta D.O Crédito na sua conta Paypal Valor das Despesas
Solicitação de 10,00 € 10,00 € 9,31 0,69 €
Solicitação de 20,00 20,00 € 18,97 1,03 €
Solicitação de 30,00 30,00 € 28,63 1,37 €
Solicitação de 40,00 40,00 € 38,29 1,71 €
Solicitação de 50,00 50,00 € 47,95 2,05 €
Solicitação de 100,00 € 100,00 € 96,25 € 3,75 €
 
   
Caso faça pagamentos com o seu saldo Paypal não tem custos associados. Também não paga nada para transferir o saldo da sua conta Paypal para a sua conta bancária.  
   
Devo escolher sempre o MBnet para pagar produtos e serviços online?  
   

Não. Nem sempre é possível pagar com o MBnet. E, além disso, mesmo que consiga fazer o pagamento, eu não o aconselharia a fazer no caso, por exemplo, de compra de passagens aéreas ou compra de férias! Porquê? Porque se o valor da compra for muito grande (ou apenas por questões relacionadas com a protecção anti-fraude) podem pedir-lhe que apresente o cartão que fez a transação. Isto pode acontecer no momento do check-in no aeroporto, no hotel onde vai ficar hospedado, na agência de viagens quando for levantar os bilhetes, etc.

 
   
Também deve ter especial cuidado, pelo mesmo motivo, se estiver a comprar passagens, férias ou estadias para outras pessoas!  
   

Uma vez fiz uma compra de vários artigos no valor de cerca de 500 euros num site estrangeiro. O pagamento foi confirmado e a minha conta a ordem foi imediatamente debitada. Na área de cliente ainda deu para ver, durante algum tempo, o estado da minha encomenda. Quando já apenas esperava a chegada dos artigos, recebi um email do vendedor a solicitar-me que deveria enviar uma cópia do cartão físico que foi utilizado para a compra e uma cópia do meu bilhete de identidade. A razão deste pedido era por 'motivos de segurança e anti-fraude' para com o proprietário do cartão. O que eles queriam saber era que aquele cartão era de facto meu e que era mesmo eu quem estava a fazer a compra. Não gostei mas pensando a frio no assunto devo dizer que eles estavam a agir corretamente! Devemos lembrar-nos que se alguém tiver acesso à frente e verso do nosso cartão (de Débito ou de Crédito) pode fazer compras pela Internet. Aquele procedimento para com compras de elevado valor, reduz bastante esse risco.

 
   

E como a compra foi feita com o MBnet, eu não conseguia fazer a cópia digitalizada do cartão virtual. Ainda lhes expliquei que se tratava de um cartão virtual mas eles não aceitaram e anularam a encomenda dizendo que iriam proceder à devolução do dinheiro. Fiquei assustado porque após a compra eu tinha cancelado o acesso MBnet! Para evitar ter que memorizar mais um login (raramente comprava pela Internet) eu anulava sempre o acesso MBnet após comprar. Assim, não corria o risco de esquecimentos e quando precisasse, fazia novo acesso e criava um novo cartão virtual.

 
   

Mas correu tudo bem. Uns dias depois do email, lá estava o dinheiro de volta à minha conta. Aliás, o próprio suporte do MBnet me referiu que apesar do acesso estar cancelado a associação entre o cartão e a conta à ordem mantinha-se!

 
   

Assim, acho que devemos ter especial cuidado, pelo menos em certos casos, com o pagamento com um cartão virtual. No caso acima, eu nunca iria enviar uma cópia do meu documento de identificação (e muito menos do meu cartão de crédito!!) para um site no qual eu não confiasse a cem por cento! A situação teria corrido bem se eu tivesse optado pelo Paypal porque os cartões são sempre verificados previamente pelo Paypal e o problema da segurança já não se colocaria.

 
   
Veja isto aqui. Faça algumas pesquisas na Internet sobre isto...

http://www.fmgomes.com/impedido-de-embarcar-num-voo-emirates

http://www.revistadeviagem.net/planejamento/passagens-aereas/apresentar-cartao-de-credito-check-in

 
   
Caso tenha alguma dúvida ou questão, faça o login no nosso fórum e pergunte o que quiser.  
   
Castelo de Vide, 18 de setembro de 2015  
   

(Esta página foi criada a partir do tópico 'Pagamentos seguros pela Internet, MBnet e Paypal' no fórum 'Os nossos melhores Truques & Dicas'.
Para visualizar o fórum 'Os nossos melhores Truques & Dicas' precisa estar registado e fazer o login. Não consegue ver como 'visitante').